Desde a introdução do novo visto de estudante subclasse 500, houveram várias mudanças na exigência financeira.

A imigração pode solicitar documentos que provem a capacidade financeira de qualquer estudante, no entanto, eles geralmente solicitam documentação financeira apenas de estudantes de países considerados de alto risco). Estes estudantes deverão provar que têm recursos financeiros suficientes para se sustentarem na Austrália. Para saber se você será obrigado a fornecer documentação financeira, você poderá ver o checklist  de documentos de imigração aqui.

Existem duas maneiras de comprovar a capacidade financeira:

  • Rendimento Anual;
  • Depósito Financeiro / Bolsa de Estudos / Empréstimo.

Rendimento anual:

Uma das mudanças ocorridas no novo visto de estudante, é que a renda anual poderá ser usada para comprovar as exigências de capacidade financeira. A opção de renda anual exige que os alunos forneçam provas de renda anual pessoal de pelo menos AUD 60.000. Para os estudantes acompanhados por membros da família, a quantia é de AUD 70.000. Quem pode mostrar sua renda? A renda demonstrada deve ser a renda pessoal do seu cônjuge (que não está viajando com você) ou dos pais. Em circunstâncias em que ambos os seus pais estão trabalhando, sua renda combinada pode ser considerada para esta exigência.

Em todos os casos, a evidência de renda anual deve ser fornecida na forma de documentação oficial do governo, como o extrato do imposto de renda.

Depósito Financeiro / Empréstimo / Bolsa:

O montante total de fundos que você precisará mostrar, depende de quanto tempo você ficará na Austrália, e das taxas de ensino do curso que pretende fazer. Os alunos terão de mostrar fundos para viagens + aulas (para os primeiros 12 meses) + despesas de vida (para os primeiros 12 meses).

Estudante: AUD 19.830,00 (anual); AUD 1.652,50 (mensal)
Cônjuge: AUD 6.940,00 (anual); AUD 578,33 (mensal)
Filhos: AUD 2.970,00 (anual); AUD 247,50 (mensal)
Crianças em idade escolar: AUD 8.000,00 (anual); AUD 666,66 (mensal)
Sobretaxa por aéreo não comprovado: AUD 1.500,00 (por pessoa)

Quais os documentos válidos para comprovar renda para o visto australiano de estudante?

  • Declaração de Imposto de renda completo;
  • Últimos 3 holerites;
  • Extratos de contas (corrente e poupança) e comprovação de investimentos.

Neste último quesito, é importante que fique claro que se entende como investimento os de renda fixa, como CDB’s e LCI’s… Previdência privada, ações e investimentos semelhantes não podem ser usados como comprovação para o visto australiano de estudante.

As mudanças de valores necessários para comprovação financeira, como acontecerá a partir de 1º de julho, estão sujeitas às alterações de câmbio – que normalmente ocorre a cada 6 meses – e entram no cálculo para a solicitação de visto. Quem regula essas mudanças é o Governo da Austrália e novas informações devem surgir até julho. Independente do que pode acontecer até lá, para quem já quer solicitar o visto australiano de estudante, ou vai esperar até as novidades estarem valendo, contar com a ajuda de um profissional que saiba a melhor maneira de conduzir a solicitação do seu visto de acordo com seu caso é muito importante. Se por um lado o Governo quer promover a entrada de estudantes internacionais na Austrália, com essas mudanças, o estudante precisa estar alerta quanto aos planos futuros no país para não correr o risco de perder direitos à renovação ou mudança de status de visto australiano.

Caso queira mais informações ou tenha alguma dúvida, entre em contato conosco:

info@pathwaytoaus.com

Categorias

2 respostas para “Suporte Financeiro: Saiba mais sobre as exigências de suporte financeiro para obtenção de visto de estudante.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *